terça-feira, 1 de março de 2016

Edgar Laureano

Partilhei no facebook o vídeo de Edgar Laureano titulado Nau dos Corvos, em Peniche. Este senhor, que tenho o prazer de conhecer, é paralelamente à sua actividade profissional um fotógrafo de elevados méritos. Há poucos dias vi no facebook um dos primeiros vídeos que tem colocado no YouTube (cinco, está a começar). Este, o segundo que vejo. Dispenso-me de adjectivar.

Isto é com drone. É alta «cavalaria», alto vídeo. «Altamente», como se diz na gíria de alguma gente mais nova. O piloto está cá em baixo e a máquina helicóptero, em cima. A certa altura, vê-se a sombra da hélice no canto superior direito? O vídeo de há dias, com o fotógrafo nas rochas (penso que era também no cabo Carvoeiro) deixou-me impressionado. É perigoso andar a fotografar, ali. Pareceu-me que, enquanto o drone estava em piloto automático, o Edgar Laureano fingia preparar a máquina fotográfica, ajeitar o tripé... Na verdade estava fazer um novo tipo de selfie. Depois disto, vale a pena o comum dos amadores continuar a fotografar? Está um must, como também diz alguma gente. Parabéns...

[Este, o meu comentário]

Sem comentários:

Enviar um comentário